Codlux News

Notícias sobre LED, Sustentabilidade, Consumo Consciente e Cidadania

Led: Quando a desinformação vira FAKE NEWS!

Sábado, 18 de Maio de 2019

INFORMAÇÃO IMPORTANTE!

Matéria da CNN informando sobre relatório da ANSES (Agência Francesa de Alimentos, Saúde e Segurança Ambiental e Ocupacional), que acusa a iluminação LED de danificar a retina do olho e perturbar o ritmo biológico e sono soa como pura FAKE NEWS de tão raso e frágil que é o documento. Leia mais e informe-se de verdade a respeito em postagem especial do Blog AQUI

 

CODLUX® NEWS

Começou:  BANDEIRA AMARELA  em Maio! 

São Paulo, 27 de Abril de 2019

O site da ANEEL divulgou nesta sexta-feira, dia 26 de abril a bandeira tarifária para o próximo mês de maio: Bandeira Tarifária Amarela. 

Será então acrescido um custo extra em sua conta de energia de R$ 1,00 para cada 100 quilowatts consumidos por hora. 
A justificativa dada pela agência em seu site é de que "...o patamar da produção hidrelétrica já reflete a diminuição das chuvas, o que eleva o risco hidrológico (GSF) e motiva o acionamento da bandeira amarela". 

Tivemos desde novembro de 2018 até este mês de Abril, incidência da Bandeira Tarifária Verde - que possibilitou a todos os consumidores uma real economia em suas contas de energia devido a total isenção de taxa extra que esta modalidade oferece. 
E quem fez bom uso uso da iluminação em Led durante este período todo em que a Bandeira Verde esteve vigente, economizou mais energia ainda e consequentemente, dinheiro ao pagar "conta de luz"! 

“Começaram as 'bandeiradas'. Daqui para a frente em junho, julho, agosto, setembro, teremos maiores chances de uma bandeira vermelha ”, afirmou o presidente da Comerc Energia, Cristopher Vlavianos. E a Comerc vê mais de 60% de chance de ocorrer bandeira tarifária vermelha patamar 2 (a mais cara) entre junho e agosto, caindo um pouco em setembro, quando espera-se bandeira vermelha patamar 1. 
Já outra empresa de energia, a Esfera Energia, projeta um período ainda mais desfavorável para os consumidores, com a bandeira vermelha patamar 2 (mais cara) acionada até outubro, baixando para patamar 1 em novembro. 
Na bandeira vermelha patamar 1 o adicional na sua conta de energia é de 3,00 reais a cada 100 kW consumidos por hora. Na bandeira vermelha patamar 2, o valor sobe para 5,00 reais a cada 100 kW consumidos a cada hora. 
Uma péssima notícia para o seu orçamento. 

Então fica a dica: jamais ilumine com Led sem um bom projeto luminotécnico que verifique e evite os possíveis erros que possam minar toda a economia e eficiência energética que um excelente equipamento instalado nas condições ideais pode trazer a sua casa e empresa. 
Contate os profissionais da Codlux® - Luz em Led 

codlux.com/contato

 

CODLUX® NEWS

VÂNDALOS cortam árvores de Floresta de Bolso em São Paulo!

São Paulo, 30 de janeiro de 2019

Não bastasse as últimas tempestades de verão arrancando árvores na cidade de São Paulo, agora vândalos estão cortando maldosamente as plantadas na Floresta de Bolso do Largo da Batata! Leia o post completo no blog da Codlux® clicando AQUI e saiba como denunciar absurdos como este. Participe!  
 

CODLUX® NEWS

LARGO DA BATATA floresce!

São Paulo, 28 de janeiro de 2019

Uma edição da revista Veja São Paulo de Janeiro deste ano destacou matéria especial sobre um grande empreendimento a ser erguido no Largo da Batata, região do bairro de Pinheiros - onde está localizada a Codlux®. O terreno de 9.000 metros quadrados (imagem acima) ao lado do metrô Faria Lima (linha 4 Amarela) abrigará uma torre comercial de 40.900 metros quadrados com 20 andares, num investimento aproximado de 1 bilhão de reais. A entrega é prevista para 2021. Veja a importância deste fato para a região e outras informações pelo blog da Codlux®  AQUI
 

CODLUX® NEWS

TESTE DE LÂMPADA LED evidencia necessidade de profissional especializado em seu projeto!

 

São Paulo, 4 de setembro de 2018
Proteste, entidade de defesa ao consumidor analisou produtos 

Uma blitz do INMETRO em 2017 retirou do mercado brasileiro todo o lote de um modelo de lâmpada bulbo legalmente certificada pela instituição, por ter sido constatado que ela burlava em sua linha de produção, as exigências quanto aos parâmetros de fabricação para a obtenção do selo, colocando nas lojas um produto realmente ruim, que agia mal em relação a compatibilidade eletromagnética em outros aparelhos eletrônicos presentes no ambiente causando interferências, além de apresentar um fluxo luminoso não condizente com o descrito na embalagem, e ainda ter ainda um fator de potência prejudicial a rede elétrica.

Pois bem. 

Também agora em setembro de 2018, testes feitos pelo Proteste apontaram que algumas marcas iluminam menos do que prometem e tem o seu tempo de vida menor do que o descrito nas embalagens. No teste de luminosidade das lâmpadas de Led ao longo do tempo, onde o órgão avaliou a depreciação luminosa durante 3 mil horas (quase dois anos), foi constatado perda de até 18% da luminosidade declarada na embalagem em alguns modelos. Nos testes, também foram analisadas as potências indicadas, de um total de 8 marcas analisadas. A maioria foi reprovada, sendo que algumas consomem até 5,26% a mais de energia que a declarada na sua embalagem. No quesito potência, algumas entregam 7,2% menos do que prometido. 

As informações são do site IG. 

Não só as lâmpadas, mas as luminárias e demais equipamentos em Led devem ser tanto testadas pelos órgãos competentes quanto também aprovadas por quem realmente entende do assunto. 
Todo o investimento em iluminação em Led pode ser perdido por um produto "mal intencionado", que não correponda a verdade - mesmo para marcas respeitadamente conhecidas. 
A tecnologia em Led ainda é muito nova, e está se acomodando as normas internacionais em termos de qualidade aqui no Brasil. 
O Led é comprovadamente mais eficiente e sustentável energeticamente que qualquer outro tipo de iluminação hoje.
Mas vários fatores contribuem para que sua durabilidade seja comprometida, não só a má fabricação mas também a "sujeira" nas rede elétricas, passando por fiação inadequada, disjuntores ruins e instaladores sem conhecimento necessário.
Um bom projeto luminotécnico ajuda a evitar este prejuízo.
Por isso, fique bem atento! 
Você pode ler mais a respeito de certificação para lâmpadas em Led no Brasil AQUI

 

CODLUX® NEWS

LÂMPADAS HALÓGENAS deixam de ser comercializadas na Europa!

 

São Paulo, 3 de setembro de 2018
Comunidade Européia bane de vez a lâmpada gastona

Desde o dia 1º de setembro, ficou proibida em definitivo a comercialização de lâmpadas tipo halógenas em toda a Comunidade Européia. A medida - iniciada em 2008 - teve prazo de 10 anos para adaptação de toda a cadeia produtiva e consumidora. Em 2016, elas já haviam sido proibidas de serem produzidas, tendo no último sábado sua data final para consumidores ainda adquirí-las no mercado. A medida espera uma economia regional de energia em toda a Europa unificada de até 20%, com a substituição gradativa por lâmpadas Led - mais eficientes energeticamente em comparação às halógenas, pois duram 10X mais e consomem 6,6X menos. Não estão abrangidas na normativa, lâmpadas para fins especiais, de eletrodomésticos ou de semáforos. É o Consumo Consciente dando seus passos rumo a redução de emissão de carbono na atmosfera e Economia de fato Sustentável. 

 

CODLUX® NEWS

23 de Julho: PROGRAMA DA GLOBO exibiu domingo, 22, importante tema também já compilado por nosso Blog em março. 

4 meses depois da postagem original "Água: pura, simples... e finita!" (acesse AQUI), o programa Fantástico da Rede Globo do dia 22 de julho mostrou matéria semelhante a nossa compilação, destacando a crise hídrica na Cidade do Cabo, Cidade do México e São Paulo. O site G1 replicou em chamada no mesmo domingo, dia 22, a reportagem do Fantástico: 

Edição do dia 22/07/2018 Atualizado as  23h05
"São Paulo e as cidades do Cabo e do México vivem uma grave crise hídrica. Água potável está ficando escassa e, consequentemente, cara. Mudanças climáticas explicam parte desse problema, mas a situação poderia ser outra se a água fosse tratada de forma diferente. O repórter Felipe Santana visitou três grandes metrópoles do mundo: São Paulo e as cidades do Cabo, na África do Sul, e do México, e mostra o caminho para o colapso."

 

Vale lembrar que em junho, o índice do Sistema Cantareira em São Paulo era de 44%. Agora em julho, caiu para 40%. Você pode assistir ao excelente vídeo pela Globo Play AQUI

CODLUX® NEWS
Criar Alerta para Codlux® nas busca do Google

São Paulo, 
23 de Abril de 2018 


E quem nunca ficou perdidinho com tanta informação dispersa por aí? Ainda mais quando o assunto é LED! 
A Codlux® é incansável no compartilhamento da boa informação para os seus clientes. 
Em nosso Blog você conta com as melhores orientações e também notícias relacionadas a Iluminação em Led.

 

A Codlux® disponibiliza agora o seu feed de notícias para o Google Notícias (antigo aplicativo Play Banca da Google). Clique na imagem acima ou AQUI para acessar o link que direciona ao conteúdo mais recente de nosso Blog. São matérias, dicas e notícias relacionadas ao Led, a Sustentabilidade e Cidadania para você e toda a sua Família. Você deve estar logado com sua conta do Google no aplicativo ou navegador do celular ou no computador que estiver usando. Ao abrir a aba/página, clique no símbolo + para adicionar-nos a sua biblioteca. 

Disponibilizamos também publicamente todos os nossos artigos, inclusive aqueles que amamos favoritar no Instapaper. Absolutamente todas as notícias e dicas postadas ou não em nosso Blog, além de artigos originais das melhores fontes sobre led, sustentabilidade, cidadania e educação ambiental para você e sua família consultarem! Acesse clicando na imagem acima ou AQUI. Você também deve estar logado com a sua conta do Instapaper no celular ou no computador para ler os conteúdos. 

Esta é mais uma comodidade da Codlux® para você aproveitar e ter uma boa leitura! 

CODLUX® NEWS

Arquivo (todas as notícias já publicadas):